quarta-feira, 21 de outubro de 2009

Bombom

Cores de bombom
Gostos de aquarela
Abro a porta e você vem
Pular minha janela
Eu ando pelas nuvens
E olho nas calçadas
Sua mão quente na minha mão
Que só anda gelada
Ganho um beijo seu
E tudo faz sentido outra vez
Gostos de bombom
Cores de aquarela
Abro a porta, curto um som
Te espero na janela
Eu olho para as nuvens
E ando nas calçadas
Sua mão na minha mão
Meu Deus, muito obrigada...

segunda-feira, 19 de outubro de 2009

Te carrego.

Te carrego
Qualquer lugar que eu for
Te carrego
Aonde for
Dentro do coração
Te carrego
Você tem um cheiro bom de madrugada
VOcê vem e eu já não quero mais nada
Ah, meu bem, cê trouxe o sol pra minha janela
Mais ninguém faz minha vida ser tão bela...

Sem você é mais difícil respirar
Sem você o tempo passa devagar
Vem me ver que eu quero te beijar de novo
Vem me ver por que esse frio é perigoso...

domingo, 11 de outubro de 2009

Mandinga.

Amor,
Que mandinga você fez
Que me amarrou de vez
Me ensine a reza de curar

Meu Sol,
Como é que eu saio então
De dentro desse refrão
Que você me fez pra eu lembrar

As borboletas não me deixam dormir
Quando te vejo já começo a sorrir
Como é que eu faço pra isso acabar

Por mais que eu tente não consigo sair
De nenhum jeito eu consigo fugir
Como é que eu faço pra isso acabar

sábado, 10 de outubro de 2009

Caminhar.

Depois das flores sempre tem verão
Fruta madura sempre cai no chão
O rio mais lento um dia toca o mar
E toda estrada leva a algum lugar
Devagar
O tempo mostra aonde ir
Pra chegar
É só ter forças pra partir
Cada dia
Tem um mundo pra mostrar
Algum dia
Todo mundo vai chegar.

Chuva

Está chovendo,
Estou aqui,
Estou querendo
Ver você passar.

Está chovendo.
Dentro de mim
Está fazendo
Um calor de matar.